Ações ampliam quedas após notícia sobre desafio a Draghi

terça-feira, 4 de novembro de 2014 16:22 BRST
 

Por Atul Prakash

LONDRES (Reuters) - O índice de ações europeu ampliou as quedas no fim dos negócios nesta terça-feira depois de uma notícia publicada pela Reuters informar que autoridades do Banco Central Europeu planejam desafiar o presidente do BCE, Mario Draghi, sobre seu estilo de gestão reservado.

Divisões no BCE, cujo conselho é majoritariamente composto por presidentes de bancos centrais nacionais, podem limitar a capacidade do BCE de adotar medidas mais ousadas para combater a deflação e estimular o crescimento nos 18 países que usam o euro.

"Qualquer preocupação com a possibilidade de o BCE agir sem o apoio total de seus países-membros é significativamente negativa para a Europa como um todo", disse o diretor administrativo do B Capital Wealth Management, Lorne Baring. "Qualquer falta de apoio vai criar um grande problema para a região".

O corte das estimativas de crescimento da Comissão Europeia para a zona do euro também pressionou as ações, com o índice FTSEurofirst 300, que reúne os principais papéis do continente, fechando em baixa de 1,03 por cento, a 1.326 pontos. Na máxima da sessão, o índice alcançou 1.346 pontos.

O braço executivo da UE estimou que a economia da zona do euro crescerá 0,8 por cento neste ano, 1,1 por cento no ano que vem e 1,7 por cento em 2016 -- nível que, segundo as projeções da Comissão há seis meses, seria atingido no ano que vem.

Em LONDRES, o índice Financial Times recuou 0,52 por cento, a 6.453 pontos.

Em FRANKFURT, o índice DAX caiu 0,92 por cento, a 9.166 pontos.

Em PARIS, o índice CAC-40 perdeu 1,52 por cento, a 4.130 pontos.   Continuação...