Petrobras quer ouvir opinião de acionistas sobre empresa em período conturbado

terça-feira, 4 de novembro de 2014 16:36 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Acionistas da Petrobras serão convidados pela petroleira para dar opiniões a respeito de investimentos e dos negócios e atividades da companhia, informou a estatal nesta terça-feira, em comunicado enviado ao mercado.

A pesquisa será realizada pela empresa Checon Pesquisa, contratada pela Petrobras, que irá contatar um grupo de acionistas sorteados, informar detalhes sobre como participar e checar o interesse no processo.

A iniciativa da petroleira ocorre em momento conturbado, em que enfrenta denúncias de corrupção feitas pelo ex-diretor Paulo Roberto Costa, que ameaçam atrasar a divulgação dos resultados do terceiro trimestre da companhia.

As denúncias de corrupção levaram a auditora externa do balanço da estatal, a PriceWaterhouseCoopers (PwC), a apresentar questionamentos à petroleira.

A Petrobras também passa por investigações da Comissão de Valores Mobiliários (CVM) e pela SEC (Securities and Exchange Commission), que regula o mercado financeiro nos Estados Unidos.

As denúncias feitas por Costa levaram na segunda-feira a um pedido de licença do presidente da Transpetro, subsidiária de logística da Petrobras, Sergio Machado, pelos próximos 31 dias, até que acusações feitas contra ele sejam esclarecidas. Machado nega estar envolvido no esquema de corrupção denunciado.

(Por Marta Nogueira)