Importações de soja pela China aumentam em novembro com demanda sazonal

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014 11:44 BRST
 

PEQUIM (Reuters) - A China importou 6,03 milhões de toneladas de soja em novembro, 47,1 por cento acima do volume de outubro, com processadores locais elevando as compras para atender o pico da demanda sazonal, segundo dados da Administração Geral das Alfândegas divulgados nesta segunda-feira.

Compras maiores do principal importador mundial de soja podem ajudar a sustentar os preços de referência da bolsa de Chicago, que caíram 21 por cento até agora este ano, no caminho certo para o seu maior declínio anual em uma década.

"Os preços dos EUA estão muito baixos, o que tem estimulado muita importações. Além disso, as unidades (chinesas) de soja aumentam o esmagamento durante esta época do ano", disse o analista Li Lifeng, no portal da indústria (www.cofeed.com).

As importações em novembro, que ficaram estáveis ante os níveis do mesmo mês do ano passado, levaram os volumes importados da China nos primeiros 11 meses de 2014 para 62,87 milhões de toneladas, um aumento de 12,3 por cento em relação ao período de 2013.

Analistas esperam que as importações da oleaginosa do país aumentem ainda mais em dezembro, para um recorde mensal de mais de 7,5 milhões de toneladas.

(Reportagem de Niu Shuping e David Stanway)