McDonald's alerta que vendas mais fracas afetarão lucro do 4º trimestre

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014 15:03 BRST
 

(Reuters) - O McDonald's divulgou nesta segunda-feira um declínio mais acentuado que o esperado nas vendas globais de restaurantes estabelecidos em novembro, afetado pela fraqueza nos Estados Unidos e na Ásia, e alertou que tais resultados "pressionarão significativamente" as margens no atual trimestre.

Novembro foi o sexto mês consecutivo de baixa nas vendas globais dos chamados mesmos restaurantes do McDonald's, que está batalhando contra a mudança dos gostos de consumidores, a dura competição nos Estados Unidos, os efeitos posteriores de um escândalo de fornecimento na Ásia e agitações econômicas e políticas na Europa.

As vendas globais em restaurantes abertos há ao menos 13 meses caíram 2,2 por cento em novembro, mais que o declínio de 1,7 por cento esperado por analistas consultados pela empresa de pesquisa Consensus Metrix.

O presidente-executivo da empresa, Don Thompson, que assumiu o cargo em julho de 2012, promoveu mudanças na administração e está dando maior poder a operadores locais em uma tentativa de melhorar os resultados.

Apesar disso, as vendas nos EUA em restaurantes abertos a pelo menos 13 meses recuaram 4,6 por cento em novembro. Analistas esperavam, em média, queda de 1,9 por cento.

As vendas dos mesmos restaurantes do McDonald's nos EUA não crescem desde outubro de 2013, parcialmente devido à competição com rivais menores e mais ágeis, que vão desde a Wendy's e o Burger King Worldwide à In-N-Out Burger e a Chick-fil-A.

(Por Lisa Baertlein)