Jato executivo Phenom 100 da Embraer cai nos EUA; ao menos três a bordo morrem

segunda-feira, 8 de dezembro de 2014 18:08 BRST
 

(Reuters) - Um jato executivo fabricado pela Embraer caiu nesta segunda-feira sobre um bairro perto do aeroporto de Maryland, nos Estados Unidos, matando pelo menos três pessoas que estavam a bordo da aeronave e deixando pelo menos outras três em terra desaparecidas, disseram autoridades do corpo de bombeiros.

O jato Phenom 100, fabricado pela Embraer, caiu em uma casa a 1,6 quilômetro do aeroporto Montgomery County Airpark, em Gaithersburg, um subúrbio de Washington, disse o porta-voz do corpo de bombeiros local, Pete Piringer, em entrevista coletiva.

Pelo menos três pessoas a bordo da aeronave morreram, e os moradores da casa --uma mãe e duas crianças-- estavam desaparecidos, disse ele.

O acidente provocou um incêndio que destruiu duas casas e danificou outras três. Bombeiros conseguiram conter o incêndio, disse Piringer.

Uma porta-voz da Administração Federal de Aviação, órgão que regula o setor aéreo nos EUA, disse que o avião tentava retornar ao aeroporto. O Conselho Nacional de Segurança nos Transportes informou em nota que está investigando o acidente.

Testemunhas disseram à mídia local que o avião voou em círculos com as rodas para baixo, como se estivesse fora de controle.

Em breve comunicado, a Embraer, uma das maiores fabricantes de aviões do mundo, afirmou que "lamenta profundamente" o acidente com o jato Phenom 100 nos Estados Unidos.

"A empresa se colocou à inteira disposição das autoridades aeronáuticas para auxiliar nas investigações", informa a nota divulgada pela fabricante brasileira.

(Reportagem de John Clarke, em Washington)

 
Fumaça é vista após um pequeno jato ter caído perto do aeroporto de Maryland, nos Estados Unidos. A foto foi fornecida por um terceiro. A Reuters não é capaz de checar de forma independente a autenticidade, o conteúdo, o local e a data da imagem. A foto é distribuída exatamente como recebida pela Reuters, como um serviço aos clientes.