Venda de papelão ondulado no Brasil caminha para fechar 4o tri em queda

terça-feira, 9 de dezembro de 2014 11:26 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - As vendas de papelão ondulado no Brasil recuaram 2,31 por cento em novembro contra o mesmo mês do ano passado, a 293.882 toneladas, no segundo mês consecutivo de baixa nessa base de comparação, informou a Associação Brasileira do Papelão Ondulado (ABPO) nesta terça-feira.

Contra outubro deste ano, as vendas do insumo usado em embalagens e que é considerado um dos termômetros da economia recuaram 6,41 por cento, segundo os dados preliminares da ABPO.

Até agora no quarto trimestre, as vendas de papelão ondulado no país mostram queda de 2 por cento entre outubro e novembro sobre os mesmos dois meses de 2013, a 607.884 toneladas.

Em 2013, as vendas do setor entre outubro e dezembro somaram 881.016 toneladas. Com isso, para que o resultado do quarto trimestre de 2014 se iguale ao ano passado, a expedição de caixas, acessórios e chapas de papelão ondulado de dezembro terá que subir cerca de 4,9 por cento sobre o desempenho de um ano antes, para 273.132 toneladas.

Já no acumulado de janeiro a novembro deste ano, as vendas de papelão ondulado no Brasil se mostram praticamente estáveis, a 3,14 milhões de toneladas.

(Por Alberto Alerigi Jr.)