Magazine Luiza manterá patamar de investimentos para próximo ano, com foco será Nordeste

quarta-feira, 10 de dezembro de 2014 17:35 BRST
 

Por Marcela Ayres

SÃO PAULO (Reuters) - A varejista de móveis e eletroeletrônicos Magazine Luiza manterá investimentos em 2015 em 150 milhões de reais, mesmo patamar deste ano, direcionando o foco da sua expansão para o Nordeste, onde pretende abrir metade das lojas previstas para o ano.

Em encontro com investidores nesta quarta-feira, o comando da companhia estimou a inauguração de 40 a 50 novos pontos em 2015, acelerando o ritmo ante os 24 previstos para este ano. Só no Nordeste, serão de 20 a 25 unidades adicionais.

A região, que responde hoje por mais de 20 por cento das 736 lojas físicas do Magazine Luiza, foi apontada como vetor fundamental de crescimento pela diretora-presidente da rede, Luiza Helena Trajano.

"Temos ido para interior do Nordeste ... e é outro mundo", afirmou a executiva a respeito da força da demanda.

As vendas da companhia no próximo ano deverão subir a uma taxa de dois dígitos baixos, sendo que no Nordeste o avanço será mais expressivo, disse o diretor-superintendente da companhia, Marcelo Silva.

Afirmando que o Magazine não está excessivamente otimista, mas tampouco acredita em um cenário tão negativo, Silva disse enxergar um mercado difícil e competitivo, em que a empresa terá que "suar um pouco mais para vender", mas que verá crescimento impulsionado pela compra de produtos como smartphones.

Nos primeiros nove meses do ano, a receita líquida do Magazine Luiza subiu 24,8 por cento na comparação anual, para 7 bilhões de reais.

Para 2015, a companhia projeta a manutenção da margem bruta em cerca de 28 por cento, após ter visto a linha chegar a 27,6 por cento no acumulado do ano até setembro.   Continuação...