Maioria dos mercados asiáticos avança sustentados por dados dos EUA

sexta-feira, 12 de dezembro de 2014 08:03 BRST
 

Por Lisa Twaronite

TÓQUIO (Reuters) - A maioria dos mercados asiáticos recebeu um impulso nesta sexta-feira após dados positivos sobre gastos nos Estados Unidos sugerirem que os preços mais baixos do petróleo têm um lado bom para a economia norte-americana, apesar da queda contínua nos preços da commodity ter contido os ganhos.

Uma leva de dados sobre a China representou mais preocupações para investidores, com o crescimento da produção indústria desacelerando mais que o esperado no mês passado, e a expansão do investimento ficando perto da mínima de 13 anos.

Às 7h57 (horário de Brasília), o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão recuava 0,07 por cento, rumo a uma perda de mais de 2 por cento na semana.

O índice Nikkei teve alta de 0,7 por cento, ampliando ganhos conforme os dados dos EUA impulsionaram as ações de exportadoras, mas registrou queda de 3,1 por cento na semana.

"O consumo crescente nos EUA é um grande impulso para exportadoras japonesas", disse o analista-chefe de mercado da Securities Japan, Masayuki Otani.

Os preços do petróleo no mundo despencaram nas últimas da semana devido a um enorme excesso de oferta, levantando temores de que a deflação poderia afetar economias ao redor do mundo. No entanto, dados divulgados na quinta-feira mostraram que os preços de gasolina mais baratos aparentemente ajudaram os gastos de consumidores nos EUA a subirem de modo amplo no mês passado, e os pedidos de auxílio-desemprego também caíram.