Technip diz que continuará diversificando serviços

segunda-feira, 15 de dezembro de 2014 07:21 BRST
 

PARIS (Reuters) - O grupo francês de serviços para a indústria petrolífera Technip disse nesta segunda-feira que continuará a buscar ampliar seu leque de serviços apesar de sua tentativa fracassada de comprar a empresa francesa CGG.

A Technip descartou no domingo fazer uma oferta pela CGG após negociações com a companhia fracassarem.

A CGG havia rejeitado no mês passado a oferta de aquisição de 1,47 bilhão de euros (1,83 bilhões de dólares) da Technip, intrigando alguns analistas que viam poucas sinergias com as atividades de imagens 3D, processamento e de equipamentos da CGG.

O presidente-executivo da Technip, Thierry Pilenko, disse que o grupo encontrou apoio entre clientes para sua estratégia de expansão além do negócio submarino e offshore/onshore.

"A reação de nossos maiores clientes tem sido positiva, recebi muito encorajamento para ir adiante com essa estratégia", disse Pilenko a jornalistas em teleconferência nesta segunda-feira.

"Temos diferentes alternativas. (Adquirir) uma parte da CGG era uma. Mas podemos olhar alianças ou outros tipos de construções".

(Por Michel Rose)