Xiaomi está levantando mais de US$1 bi de investidores incluindo o GIC, diz fonte

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014 07:11 BRST
 

CINGAPURA/XANGAI (Reuters) - A chinesa Xiaomi está levantando mais de 1 bilhão de dólares de investidores que incluem o fundo soberano de Cingapura GIC, avaliando a fabricante de smartphones em mais de 45 bilhões de dólares, afirmou uma pessoa familiarizada com o negócio.

A captação de recursos foi noticiada primeiro pelo Wall Street Journal, que também disse que esta rodada foi liderada pelo fundo de tecnologia All-Stars Investment e inclui o fundo russo de tecnologia DST Global, além da Yunfeng Capital, uma empresa de private equity afiliada ao presidente-executivo do Conselho do Alibaba Group Holding, Jack Ma.

A All-Stars Investment é liderada pelo ex-analista do Morgan Stanley Richard Ji.

O investimento do GIC na Xiaomi vem depois da Temasek Holdings, que reúne investimentos estatais de Cingapura, ter comprado uma pequena participação na fabricante de smartphones durante uma rodada de financiamento anterior, afirmou uma segunda pessoa.

As fontes não estavam autorizados a falar com a mídia sobre o assunto e por isso não quiseram ser identificadas. A Xiaomi e o GIC não quiseram comentar. Ji não pôde ser encontrado para comentar o assunto.

(Por Saeed Azhar e Gerry Shih)