Preço do minério de ferro tem mínima de 5 anos e meio na China

terça-feira, 23 de dezembro de 2014 13:51 BRST
 

XANGAI (Reuters) - O preço do minério de ferro caiu 3,5 por cento nesta terça-feira, para uma mínima de cinco anos e meio, por preocupações renovadas sobre o aumento da oferta, enquanto os contratos futuros do vergalhão de aço na China caíram mais de 2 por cento, com siderúrgicas e operadores liquidando posições antes de amortizações de fim de ano de empréstimos.

Mais cedo, a Austrália (maior exportador global) cortou sua previsão de preço para o minério de ferro em 2015 em um terço, para 63 dólares por tonelada, ante 94 dólares em setembro, dizendo que as expectativas de uma queda na produção chinesa para reduzir um excesso de oferta mundial ainda tinham que se confirmar.

A fraca demanda do setor imobiliário da China, juntamente com altos estoques de minério de ferro e aço, está colocando pressão sobre os preços da commodity, segundo analistas e operadores. Além disso, as maiores mineradoras globais estão elevando a produção.

O índice de referência do minério com 62 por cento de ferro para entrega imediata para a China caiu para 65,60 dólares por tonelada, resultando em perdas acumuladas no ano de 51 por cento, de acordo com dados do Steel Index.

O contrato de vergalhão para maio na bolsa de Xangai caiu 2,45 por cento, a maior queda percentual diária em cinco semanas, para 2.467 iuanes (397 dólares) por tonelada.

"Os preços tendem a cair no final do ano, com muitas empresas liquidando suas posições para pagar os empréstimos bancários, enquanto algumas siderúrgicas também estão enfrentando uma crise de caixa, e elas estão saindo dos futuros para conseguir dinheiro", disse um operador de aço em Ningbo.

 
REUTERS/David Gray     (AUSTRALIA - Tags: BUSINESS ENVIRONMENT)