S&P reduz perspectiva da Alstom para "negativa"; confirma rating "BBB-"

terça-feira, 23 de dezembro de 2014 16:20 BRST
 

PARIS (Reuters) - A agência de classificação de risco S&P reduziu sua perspectiva para o grupo de engenharia francês Alstom de "estável" para "negativa" antes da planejada recompra de ações e bônus da companhia e o pagamento da multa de 772 milhões de dólares para encerrar acusações de corrupção nos Estados Unidos.

Em comunicado nesta terça-feira, a S&P reafirmou em "BBB-" o rating de crédito corporativo de longo prazo da Alstom, que em junho fechou acordo para vender a maior parte de seu negócio de equipamentos de energia elétrica para a General Electric e focar na fabricação de trens e equipamentos para ferrovias.

"Após a venda de cerca de dois terços de seu negócio total para a norte-americana General Electric, a combinação da estrutura de capital proposta e da escala, escopo e diversidade significativamente reduzidos da Alstom podem nos levar a diminuir o rating da empresa em um grau", disse a S&P.

"Se vamos reduzir o rating para 'BB+' ou revisar a perspectiva para estável irá depender do montante final da recompra de ações e bônus, e a previsão de desempenho da Alstom durante 2015 e 2016", acrescentou.

(Por James Regan)