Embraer adiciona 10 jatos à carteira de pedidos do 4º tri, após acordo com NetJets

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014 10:05 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A unidade de aviação executiva da Embraer e a NetJets, empresa norte-americana do grupo Berkshire Hathaway, assinaram acordo para a conversão de 10 opções de compra do jato Phenom 300 em pedidos firmes, informou a companhia brasileira nesta segunda-feira.

Considerando preços atuais de lista, este acréscimo ao contrato tem valor de 89,55 milhões de dólares, que será incluído na carteira de pedidos firmes da Embraer do quarto trimestre de 2014.

A NetJets assinou em outubro de 2010 um acordo de compra de 50 jatos executivos Phenom 300, com opções de aquisição de 75 unidades. Segundo a Embraer, se todas as opções forem confirmadas, o valor do negócio pode superar 1 bilhão de dólares.

A Embraer disse em comunicado que já entregou 36 jatos Phenom 300 à NetJets.

As entregas das 10 aeronaves adicionais começarão a partir de janeiro de 2016.

“A aceitação do Phenom 300 continua a crescer nos mercados corporativo e de propriedade compartilhada. Tanto que, recentemente, tornou-se o jato executivo com o maior número de entregas”, disse em nota o presidente da Embraer Aviação Executiva, Marco Túlio Pellegrini.

(Por Juliana Schincariol)

 
Foto de arquivo da montagem de um protótipo do jato executivo Phenom 300, da Embraer, em Gavião Peixoto, no interior de São Paulo. REUTERS/Rickey Rogers/Files  (BRAZIL) - RTR1WRTR