Produção de petróleo da Rússia atinge recorde da era pós-soviética

sexta-feira, 2 de janeiro de 2015 10:35 BRST
 

MOSCOU (Reuters) - A produção de petróleo da Rússia em 2014 atingiu um recorde da era pós-soviética, com uma média de 10,58 milhões de barris por dia (bpd), alta de 0,7 por cento, com a ajuda de pequenas petroleiras privadas, informou o Ministério de Energia nesta sexta-feira.

A produção de petróleo e condensado em dezembro atingiu 10,67 milhões de bpd, também uma máxima recorde desde o colapso da União Soviética.

Os dados mostraram que as pequenas produtoras, a maior parte delas nas mãos da iniciativa privada, aumentaram sua produção em 11 por cento, para pouco mais de 1 milhão de bpd.

As exportações de petróleo bruto por meio da empresa estatal Transneft, detentora de monopólio, caíram 5 por cento para 195,5 milhões de toneladas devido a uma alta na demanda doméstica e processamento em refinarias.

Afetada pela queda nos preços do petróleo no segundo semestre e por sanções ocidentais impostas após o envolvimento de Moscou na crise na Ucrânia, o crescimento da produção de petróleo na Rússia desacelerou ante a alta de 1,4 por cento em 2013.

O setor de petróleo e gás financia cerca de metade do orçamento da Rússia.

O país caminha para a recessão após os preços do petróleo despencarem nos últimos meses e a produção de petróleo pode cair para 525 milhões de toneladas em 2015, segundo uma previsão do Ministério de Energia.

A Agência Internacional de Energia (IEA, na sigla em inglês) projeta que a produção de petróleo da Rússia recue 1 por cento este ano.

(Por Vladimir Soldatkin)

REUTERS GB CMO