Ações de siderurgia e mineração disparam na Bovespa

terça-feira, 6 de janeiro de 2015 13:13 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - As ações de siderurgia e mineração disparavam na Bovespa nesta terça-feira, em um movimento considerado técnico por profissionais do mercado, tendo como suporte a alta do minério de ferro e expectativas sobre novos incentivos à infraestrutura na China.

Também repercutia relatório do Goldman Sachs comentando que a Gerdau planeja cortar despesas administrativas, gerais e com vendas, além de estar analisando cenários para mudança de preços de produtos no primeiro trimestre.

Às 13h10, os papéis da CSN disparavam 9,3 por cento, enquanto Gerdau saltava 8,5 por cento e Usiminas ganhava 8 por cento. Vale registrava valorização de 4,7 por cento.

No mesmo horário, o Ibovespa subia 0,46 por cento.

Dados na véspera também mostraram que o Brasil exportou um volume recorde de 37,39 milhões de toneladas de minério de ferro em dezembro.

Nesta sessão, a associação que representa as concessionárias de veículos Fenabrave estimou que as vendas de carros, comerciais leves, caminhões e ônibus novos no Brasil em 2015 devem ter ligeira queda de 0,5 por cento na comparação com o ano passado, para 3,479 milhões de unidades.

(Por Paula Arend Laier)