13 de Janeiro de 2015 / às 10:24 / em 3 anos

Airbus registra 1.456 encomendas líquidas em 2014

TOULOUSE, França (Reuters) - A Airbus abocanhou o primeiro lugar em encomendas de aviões comerciais, confirmando ter superado a Boeing no ano passado, mas não diminuiu uma lacuna nas entregas, deixando sua rival norte-americana como a maior fabricante de aeronaves do mundo pelo terceiro ano consecutivo.

A inesperada vantagem em encomendas de aeronaves, que confirma uma reportagem da Reuters na semana passada, vem depois de um impulso sem precedentes ter levado a fabricante a registrar mais de 400 encomendas de aviões em dezembro.

A Airbus disse nesta terça-feira que recebeu 1.456 encomendas líquidas em 2014, abaixo da marca de 1.503 do ano anterior, mas o suficiente para ultrapassar o total da Boeing de 1.432 unidades.

A unidade do Airbus Group entregou um recorde de 629 aeronaves em 2014, um pouco acima do patamar de 626 do ano anterior, mas atrás de Boeing com 723.

O total de entregas por parte das duas gigantes de aviões subiu 6 por cento, para um recorde de 1.352 aeronaves, refletindo as renovações de frotas e o rápido crescimento da Ásia como um centro de aviação.

Mas alguns analistas dizem que a demanda pode ter atingido o pico, já que a queda dos preços do petróleo, embora boa para a maioria das companhias aéreas, revela preocupações econômicas mais amplas.

Por Tim Hepher e Cyril Altmeyer

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below