Draghi diz que BCE precisa de política monetária expansionista, segundo jornal

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015 09:46 BRST
 

FRANKFURT (Reuters) - O presidente do Banco Central Europeu, Mario Draghi, afirmou ser necessária uma política monetária expansionista para alcançar a estabilidade de preço na zona do euro e que o Conselho do BCE está determinado a adotar isso.

Com deflação dos preços ao consumidor na zona do euro em dezembro pela primeira vez em cinco anos, crescem as dúvidas das autoridades sobre se o estímulo implementado pelo BCE até agora será suficiente para impedir que a região sofra com uma deflação prolongada.

Para alcançar a meta de inflação no médio prazo do BCE de abaixo mas próximo de 2 por cento, o banco central tem que "manter as taxas de juros baixas e trabalhar na direção de uma política monetária expansionista que acompanhe o crescimento", disse Draghi ao jornal Die Zeit, segundo trechos antecipados de entrevista a ser publicada na quinta-feira.

Ele acrescentou que há diferenças dentro do Conselho do BCE sobre como alcançar o mandato do banco, "mas não é que tenhamos possibilidades infinitas".

O BCE pode ampliar suas compras de ativos para títulos governamentais e está preparando tal medida, também conhecida como "quantitative easing", para sua reunião de política monetária em 22 de janeiro, na qual pode decidir puxar o gatilho do plano.

(Reportagem de Eva Taylor)

 
Predidente do BCE, Mario Draghi, em entrevista coletiva em Frankfurt. 04/12/2014 REUTERS/Ralph Orlowski