Vendas no varejo fracas nos EUA levantam dúvidas sobre gastos do consumidor

quarta-feira, 14 de janeiro de 2015 11:43 BRST
 

WASHINGTON (Reuters) - Uma medida dos gastos do consumidor nos Estados Unidos inesperadamente caiu em dezembro, com ampla queda da demanda, mas provavelmente não é o início de uma tendência de fraqueza, dados os preços mais baixos de gasolina e o mercado de trabalho em fortalecimento.

O Departamento de Comércio informou nesta quarta-feira que as vendas no varejo recuaram 0,9 por cento em dezembro, contra expectativas de queda de 0,1 por cento em pesquisa da Reuters.

Por sua vez, as vendas no varejo excluindo automóveis, gasolina, materiais de construção e serviços de alimentação caíram 0,4 por cento, após aumento de 0,6 por cento em novembro.

O chamado núcleo das vendas no varejo corresponde de forma mais próxima ao componente de gastos do consumidor do Produto Interno Bruto (PIB). Economistas consultados pela Reuters esperavam que o núcleo das vendas no varejo subisse 0,4 por cento em novembro.

(Reportagem de Lucia Mutikani)