Cade aprova aquisição do Damásio Educacional pela DeVry Brasil

quinta-feira, 15 de janeiro de 2015 09:02 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou, sem restrições, a compra do Damásio Educacional, de cursos preparatórios para carreiras jurídicas e públicas, pela DeVry Brasil, controlada pelo norte-americano DeVry Education Group DV.N, conforme despacho publicado no Diário Oficial da União desta quinta-feira.

O negócio, que marca a entrada da DeVry Brasil em outras regiões para além do Norte e Nordeste, foi anunciado pela companhia em meados de dezembro, sem informar valores para a transação.

Na época, a DeVry afirmou que a transação estava em linha com duas de suas prioridades na alocação de capital: educação superior no Brasil e educação profissional globalmente.

O Damásio, que era controlado pela empresa de private equity Victoria Capital Partners desde 2008, possui uma rede de cerca de 220 centros de aprendizado, com aproximadamente 50 mil alunos matriculados. Além dos cursos preparatórios, o Damásio também oferece cursos de graduação e pós-graduação em Direito.

A expectativa da DeVry era de que o Damásio geraria uma receita de 50 milhões de dólares em 2014, somando "modesto" acréscimo ao seu lucro por ação em 2015 - contribuição que deverá subir nos próximos anos.

No Brasil, a DeVry opera nove instituições de ensino, todas na região Norte e Nordeste. A rede inclui nomes como a Fanor, em Fortaleza (CE), Faculdade Boa Viagem, em Recife (PE) e Faculdade Martha Falcão, em Manaus (AM), somando uma base total de mais de 36 mil alunos.

(Por Marcela Ayres; Edição de Priscila Jordão)