Mercados recuam após ação do BC suíço elevar volatilidade

sexta-feira, 16 de janeiro de 2015 07:49 BRST
 

Por Lisa Twaronite

TÓQUIO (Reuters) - As ações asiáticas recuaram nesta sexta-feira depois que o banco central da Suíça eliminou inesperadamente o limite cambial do franco, agitando ainda mais os mercados já perturbados pela queda dos preços das commodities.

Às 7h44 (horário de Brasília) o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão recuava 0,52 por cento.

A retomada do iene pressionou os papéis de exportadores e ajudou a levar o índice japonês Nikkei a fechar com queda de 1,43 por cento, com recuo de 1,9 por cento na semana.

"Investidores vão provavelmente continuar cautelosos contra acontecimentos no exterior por duas a três semanas dada a fraqueza dos preços do petróleo e dos preços das commodities, bem como as preocupações econômicas globais", disse Chisato Haganuma, estrategista-chefe do Mitsubishi UFJ Morgan Stanley Securities.

As ações chinesas foram o único ponto positivo na Ásia, com o índice de Xangai avançando 1,23 por cento, depois que a confiança ganhou sustentação com o anúncio de novas medidas de suporte à economia.

Na quinta-feira, o banco central da Suíça descartou inesperadamente o limite que havia imposto ao franco contra o euro, catapultando a moeda de baixo risco além do limite de 1,20 por euro que havia estabelecido há mais de três anos.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei recuou 1,43 por cento, a 16.864 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 1,02 por cento, a 24.103 pontos.   Continuação...