Mercados asiáticos ficam aliviados com crescimento da China e avançam

terça-feira, 20 de janeiro de 2015 08:16 BRST
 

Por Wayne Cole

SYDNEY (Reuters) - Os mercados asiáticos respiraram aliviados nesta terça-feira depois que a China divulgou que sua economia não desacelerou tanto como muitos temiam, um raro ponto de brilho em meio a um cenário global de fraqueza.

O Fundo Monetário Internacional (FMI) reduziu sua projeção de crescimento global em 2015 para 3,5 por cento, citando fraqueza no Japão e na Europa.

Mas no final os investidores parecem ter ficado satisfeitos com o crescimento da China de 7,3 por cento no quarto trimestre ante o ano anterior, superando a expectativa de 7,2 por cento, com as vendas no varejo e a produção industrial em dezembro também ficando acima do esperado.

Embora o crescimento no ano tenha sido o mais fraco desde 1990, o PIB está agora 10 vezes maior do que na época.

"Parece que a economia está em melhor forma do que o esperado", disse o economista sênior do Crédit Agricole Darius Kowalczyk.

O índice de Xangai fechou com alta de 1,85 por cento, enquanto às 8h14 (horário de Brasília) o índice MSCI que reúne ações da região Ásia-Pacífico com exceção do Japão avançava 0,37 por cento.

. Em TÓQUIO, o índice Nikkei avançou 2,07 por cento, a 17.366 pontos.

. Em HONG KONG, o índice HANG SENG subiu 0,90 por cento, a 23.951 pontos.   Continuação...