Kuweit diz que só crescimento econômico vai absorver excedente de petróleo

quarta-feira, 21 de janeiro de 2015 11:20 BRST
 

KUWEIT (Reuters) - A queda nos preços do petróleo não pode ser controlada até que o excedente de oferta seja absorvido por um melhor crescimento econômico, disse o ministro do petróleo do Kuweit, Ali al-Omair, a repórteres nesta quarta-feira.

Falando no intervalo de uma conferência do setor de energia, Omair não disse quando isso irá acontecer. Questionado se os preços do petróleo haviam atingido um piso, ele disse que não poderia responder.

O ministro acrescentou ainda que o orçamento do Kuweit no próximo ano fiscal, iniciado em 1º de abril, deverá ser baseado em um preço médio presumido de 40 a 45 dólares por barril de petróleo.

O ministro de petróleo do Iraque, Adel Abdel Mehdi, que também participou da conferência, disse a repórteres que a acentuada queda nos preços do petróleo registrada após a reunião da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep) em novembro não era esperada.

(Por Rania El Gamal)