Plano de separação do eBay abre porta para fusões e aquisições em e-commerce

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015 09:50 BRST
 

SAN FRANCISCO (Reuters) - Os planos do eBay de dividir-se em três diferentes empresas poderá dar espaço a diferentes interessados, sinalizando uma potencial luta por fusões após a separação dos negócios.

A empresa planeja a cisão de sua divisão de pagamentos, PayPal, a partir da divisão principal de marketplace no segundo semestre do ano, resultando em duas empresas de capital aberto independentes, que alguns analistas dizem que podem valer mais do que a entidade combinada.

Na quarta-feira, o eBay acrescentou que irá vender ou preparar uma oferta pública de sua unidade eBay Enterprise, que a empresa comprou por 2,4 bilhões de dólares cerca de quatro anos atrás.

As medidas anunciadas são destinadas a dar a cada negócio a capacidade de considerar todas as alternativas que dispõem, incluindo a venda, disse o presidente-executivo do eBay, John Donahoe.

Os movimentos chegam em um momento em que analistas de Wall Street questionam quanto tempo o eBay e o PayPal podem suportar a crescente concorrência de rivais online como a Amazon.com, Google e Alibaba, bem como de varejistas como o Wal-Mart, que estão investindo em e-commerce e plataformas de pagamentos.

"Eu não acho que esse é o principal objetivo, mas, em geral, esses movimentos podem contribuir para fusões ou aquisições mais limpas ou mais atraentes", disse o analista Colin Sebastian, da Baird, que já disse anteriormente que o Google poderia ser um pretendente para o eBay.

Potenciais compradores do eBay Enterprise incluem empresas focadas na construção de laços com outras empresas, como a Salesforce.com, IBM e Adobe Systems, disseram alguns especialistas.

A Salesforce se recusou a comentar, enquanto as outras companhias não estavam imediatamente disponíveis.

(Por Deepa Seetharaman)