Reservatório Paraibuna, que abastece o Rio de Janeiro com água, esgota volume útil

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015 18:14 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - O reservatório Paraibuna, uma das quatro represas do rio Paraíba do Sul que abastece com água a região metropolitana do Rio de Janeiro, esgotou seu volume útil, enquanto os outros reservatórios do rio também estão em níveis próximos do esgotamento, segundo dados divulgados nesta quinta-feira pelo Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS).

O volume útil do reservatório Paraibuna, da Cesp, chegou a zero, segundo o Informativo Preliminar Diário de Operação (IPDO) do ONS referente à quarta-feira, e a hidrelétrica de mesmo nome foi desligada.

Já as outras três represas de hidrelétricas do Paraíba do Sul mostram níveis críticos: Santa Branca, da Light, está em 0,65 por cento; Funil, de Furnas, mostra patamar de 4,15 por cento; e Jaguari, da Cesp, está com 2 por cento, segundo o ONS.

A Agência Nacional de Águas (ANA) informou separadamente em seu boletim diário de operação, que a média do volume dos quatro reservatórios do Rio Paraíba do Sul é de 1,22 por cento, segundo dados de terça-feira.

Uma reunião está sendo realizada pela Secretaria de Estado do Ambiente (SEA) do Rio de Janeiro para tratar sobre o tema e o órgão informou que só deverá se pronunciar após a reunião. Procurada, a Companhia Estadual de Águas e Esgotos (Cedae) afirmou que o assunto deve ser tratado pela SEA.

(Por Anna Flávia Rochas)