Petrobras ainda avalia valor de baixas assim como total de corte no investimento

sexta-feira, 23 de janeiro de 2015 10:49 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras informou nesta sexta-feira que ainda avalia valor de baixas contábeis que poderá fazer em função dos desdobramentos da Operação Lava Jato, assim como percentual de corte nos investimentos que realizará num momento em que busca preservar seu caixa.

A estatal disse que está realizando as análises necessárias para o fechamento e divulgação das demonstrações contábeis do terceiro trimestre de 2014, incluindo a avaliação individual de ativos e projetos cuja constituição se deu por meio de contratos de fornecimento de bens e serviços firmados com empresas citadas na Operação Lava Jato.

A empresa afirmou que isso "poderá resultar no reconhecimento de perdas e consequente revisão de seu ativo imobilizado a serem refletidas nos resultados do terceiro trimestre de 2014".

Em relação aos cortes de investimentos para 2015, a companhia reiterou que está revisando seu planejamento para o ano, "implementando uma série de ações voltadas para a preservação do caixa".

"No entanto, o valor do referido ajuste assim como o percentual de corte nos investimentos ainda estão sendo analisados, portanto, a Petrobras não confirma os valores citados na matéria", disse a estatal, em esclarecimento sobre matérias veiculadas na mídia.

Na véspera, o jornal O Globo noticiou que a estatal registraria baixas contábeis de cerca de 10 bilhões de reais no resultado não auditado do terceiro trimestre de 2014, e cortaria investimentos em cerca de 30 por cento neste ano.

A Petrobras pode divulgar o resultado do terceiro trimestre na próxima terça-feira caso o Conselho de Administração aprove o balanço.

 
Fachada da sede da Petrobras no Rio de Janeiro. 16/12/2014. REUTERS/Sergio Moraes