Aneel adia para até 31/3 liquidação de dívida das distribuidoras em operações de novembro e dezembro

terça-feira, 27 de janeiro de 2015 16:54 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) adiou para até 31 de março o prazo para a liquidação de dívidas das distribuidoras de energia elétrica por conta de operações realizadas em novembro e dezembro do ano passado no mercado de curto prazo de energia.

O prazo maior foi estabelecido para dar tempo para que o governo federal consiga concluir negociação com bancos para conceder um novo empréstimo de cerca de 2,5 bilhões de reais para ajudar as empresas a quitar a dívida relativa às operações desses dois meses.

"Sabidamente, não é uma operação simples. Foi um pool de bancos (que participou dos dois outros empréstimos). Todos eles têm de ser consultados para saber se têm intesse em participar do próximo. É um processo naturalmente complexo", disse o diretor-geral da Aneel, Romeu Rufino.

Pelo mesmo motivo, a Aneel já havia adiado, do dia 13 de janeiro para 30 deste mês, a liquidação referente a novembro, mas o prazo precisou de uma nova dilatação.

Já a liquidação das operações de dezembro, que também ficou para até o fim de março, estava anteriormente prevista para ocorrer no dia 9 de fevereiro.

(Por Leonardo Goy)