Ministro de Minas e Energia diz que cenário de setor elétrico é desafiador

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015 13:36 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, disse nesta sexta-feira que o cenário de fornecimento de eletricidade ao país é desafiador nos horários de pico de consumo, mas que o governo federal está trabalhando para continuar garantindo o abastecimento.

Ao se questionado sobre o efetivo real risco de novos apagões diante da falta de chuvas que afeta os reservatórios de hidrelétricas do país, Braga disse: "Eu acredito, realmente, que é desafiador, acho que nós temos que trabalhar duro e firme, para continuar garantindo o fornecimento de energia, como nós estamos conseguindo, de forma desafiadora, a entrega aos consumidores".

O ministro disse que novas fontes de geração de energia estão entrando no sistema elétrico e que o maior desafio é o atendimento da demanda no horário de pico.

"Energia nós temos, o nosso problema é quando acontecem os picos de demanda. Mas temos, de qualquer forma, crise hidrológica em São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, que também afeta o setor elétrico", acrescentou, a jornalistas, antes de participar de reunião mensal do conselho do ONS, no Rio de Janeiro, mais cedo nesta sexta-feira.

Após sair da reunião, o ministro Braga disse que haverá uma nova reunião do dia 12 de fevereiro para avaliar a situação. "A avaliação que nós temos no momento, é que estamos, com a contribuição de todos e com uma série de medidas, conseguindo atender plenamente o mercado brasileiro", disse.

(Por Rodrigo Viga Gaier)

 
Ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, em entrevista à Reuters em Brasília.  21/1/2015 REUTERS/Ueslei Marcelino