Governo federal estuda medidas de economia de energia no Brasil para daqui 60 a 90 dias

sexta-feira, 30 de janeiro de 2015 16:18 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O governo federal estuda medidas para economia de energia no Brasil para serem lançadas daqui a 60 a 90 dias, quando acaba o período úmido, disse o ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga, nesta sexta-feira, sem detalhar quais seriam as iniciativas.

"Nós vamos lançar um programa de eficiência energética que com certeza vai ter um impacto muito positivo (na redução da demanda). Estamos trabalhando nisso e esperamos que nos próximos 60 a 90 dias possamos ter um conjunto de ações nesse sentido", disse o ministro, a jornalistas.

"Já estão ocorrendo reuniões entre ONS (Operador Nacional do Sistema Elétrico), EPE (Empresa de Pesquisa Energética) e Aneel (Agência Nacional de Energia Elétrica) e membros do ministério para fazermos avaliações de algumas ações que estamos muito próximos de poder anunciar e que estamos planejando e discutindo com o setor já há alguns dias", acrescentou.

O ministro disse ainda que não há risco de novos apagões de energia no país e que há cerca de 5 mil megawatts adicionais disponíveis para reforçar o fornecimento de energia do sistema.

(Por Rodrigo Viga Gaier)