Grécia não indicará membros do partido para administrar bancos, diz porta-voz

segunda-feira, 2 de fevereiro de 2015 07:18 BRST
 

ATENAS (Reuters) - O novo governo de esquerda da Grécia não tomará quaisquer ações que possam ferir os valores das ações de bancos do país e não tem planos de nomear membros do partido para postos chave de administração dessas instituições financeiras, afirmou o porta-voz do governo nesta segunda-feira.

"Nós não vamos fazer nada que possa ferir o valor das ações dos bancos", disse Gabriel Sakellaridis à TV Skai. "Tudo o que fizermos no sistema bancário será feito em cooperação com investidores privados."

O fundo de resgate bancário da Grécia detém participações majoritárias em três dos quatro maiores bancos do país - Banco Nacional, Piraeus Bank e Alpha Bank.

"Nós não vamos nomear membros do partido para a gestão dos bancos", disse.

(Por George Georgiopoulos)