Aneel eleva taxa de retorno para distribuidoras em revisão tarifária

terça-feira, 3 de fevereiro de 2015 16:38 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - A diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) aprovou nesta terça-feira um aumento na taxa de retorno sobre investimentos das distribuidoras de energia que será considerada no quarto ciclo de revisão tarifária das companhias, que começa a ser aplicado neste ano.

O custo médio ponderado de capital (WACC, na sigla em inglês), utilizado para calcular a remuneração dos investimentos realizados pelas concessionárias de distribuição, será de 8,09 por cento, um aumento em relação à proposta inicial da agência, que era de 7,16 por cento, e ao praticado no ciclo de revisão tarifária anterior, quando ficou em 7,5 por cento.

O índice aprovado foi visto por analistas como positivo para as distribuidoras de energia. "Depois de revelar propostas positivas para perdas de energia..., o regulador lançou outro documento favorável ao mercado, todos necessários para atrair investimentos adicionais ao setor e reconquistar a confiança dos investidores", escreveram analistas do BTG Pactual em relatório.

As revisões tarifárias periódicas ocorrem a cada quatro ou cinco anos, dependendo do contrato da empresa, e são mais complexos do que os reajustes anuais, envolvendo uma ampla análise dos custos e receitas das empresas.

O quarto ciclo de revisões periódicas começa este ano, sendo que as primeiras companhias a passarem por ele são a Coelce (CE), em 22 de abril, e a Eletropaulo, em 4 de julho.

(Por Leonardo Goy, com reportagem adicional de Anna Flávia Rochas)