Mudança no comando da Petrobras pode facilitar apresentação de balanço, diz Fitch

quarta-feira, 4 de fevereiro de 2015 19:08 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A mudança no comando da Petrobras, após a presidente da estatal e cinco diretores renunciarem, poderá ajudar a estatal a superar alguns obstáculos para divulgar seus resultados financeiros, avaliou nesta quarta-feira a Fitch Ratings.

"A mudança de gestão tem o potencial para fazer avançar o processo de restauração da credibilidade com as práticas contábeis da empresa", disse a agência de classificação de risco em nota.

A nomeação de representantes sem vínculos anteriores com a empresa e com o governo brasileiro poderia facilitar a publicação das demonstrações financeiras, avaliou a Fitch.

A saída da diretoria, que era amplamente esperada, acontece em meio a operação Lava Jato da Polícia Federal, que investiga sobrepreço em contratos da estatal, com participação de ex-funcionários, executivos de empreiteiras e políticos.

A Fitch rebaixou os ratings da dívida da Petrobras em moeda estrangeira e local para "BBB-" ante "BBB" na terça-feira, e simultaneamente colocou a petroleira em observação negativa, o que significa que um eventual novo downgrade pode ocorrer em um prazo de três a seis meses.

(Por Roberto Samora)