Escolha de diretores da Petrobras é discutida por conselheiros nesta quinta, diz fonte

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015 13:53 BRST
 

RIO DE JANEIRO (Reuters) - Critérios para a escolha de substitutos para os cinco diretores da Petrobras que renunciaram serão discutidos no fim da tarde desta quinta-feira, em encontro informal de alguns integrantes do Conselho de Administração da petroleira, em São Paulo, segundo uma fonte com conhecimento direto do assunto.

O nome de um novo presidente-executivo da Petrobras, no entanto, não deverá ser debatido pelos conselheiros nesta quinta-feira, já que tradicionalmente essa escolha é feita pela presidente da República, acrescentou a fonte, pedindo anonimato.

Nem todos os conselheiros foram convocados para o encontro informal, segundo uma outra fonte.

Não havia clareza sobre quantos representantes do conselho participarão da reunião.

Até agora, disse a primeira fonte, não há entre os conselheiros nomes definidos ou indicados para assumir as cadeiras vagas na diretoria.

A renúncia dos diretores, em conjunto com a presidente da Petrobras, Maria das Graças Foster, foi comunicada pela empresa ao mercado na quarta-feira e terá efeito a partir de sexta-feira, quando o Conselho de Administração deverá aprovar novos executivos, além do presidente-executivo.

"A troca de ideias de hoje é exatamente para se definir critérios ou tipos de pessoas que vão assumir as funções dos diretores que saíram, mas ainda não há indicações de nomes", afirmou a fonte à Reuters.

"Hoje não é uma reunião de conselho, é um encontro dos conselheiros para trocar ideias sobre os procedimento para serem tomados na sexta-feira, amanhã, que é quando o conselho está convocado."

Já a definição do novo presidente da Petrobras, segundo a fonte ressaltou, "é uma escolha do próprio presidente da República, isso o conselho simplesmente ratifica".   Continuação...

 
A presidente-executiva da Petrobras, Graça Foster, fala durante coletiva no Rio de Janeiro. 29/01/2015 REUTERS/Sergio Moraes