Dívida da Enel cai mais que o esperado em 2014

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015 13:43 BRST
 

MILÃO (Reuters) - A Enel, uma das concessionárias mais endividados da Europa, disse nesta quinta-feira que sua dívida líquida no fim de 2014 caiu 4,3 por cento, para 38 bilhões de euros (43,4 bilhões de dólares), superando expectativas.

A maior concessionária de energia da Itália estimava que teria uma dívida líquida de 39 bilhões a 40 bilhões de euros no período, enquanto a Thomson Reuters SmartEstimate estimava cerca de 39,4 bilhões de euros.

Lucro do ano inteiro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) caiu 6 por cento, para 15,7 bilhões de euros, disse a Enel em um comunicado em que apresenta resultados preliminares.

Esse resultado ficou acima de um consenso da Thomson Reuters SmartEstimate de 15,4 bilhões de euros. A Enel estimava cerca de 15,5 bilhões de euros.

(Reportagem de Stephen Jewkes)