Tombini indica Volpon para diretoria do BC e substitui Carlos Hamilton por Awazu

quinta-feira, 5 de fevereiro de 2015 20:31 BRST
 

Por Flavia Bohone

SÃO PAULO (Reuters) - O Banco Central anunciou nesta quinta-feira mudanças na composição da diretoria, com a indicação de dois novos nomes, incluindo um oriundo do mercado financeiro, e a saída de Carlos Hamilton Araújo.

Com as mudanças, o número de membros do Comitê de Política Monetária (Copom), que define a taxa básica de juros do país, sobe de oito para nove.

Luiz Awazu, que atualmente acumula as diretorias de Assuntos Internacionais e de Regulação, substituirá Carlos Hamilton na diretoria de Política Econômica, informou o BC em comunicado.

A saída de Carlos Hamilton, diretor com perfil mais duro e que estava há cinco anos no posto, já era esperada pelo mercado, uma vez que o diretor há algum tempo vinha mostrando insatisfação com a condução da política econômica.

Awazu, de perfil mais desenvolvimentista, é bastante alinhado com Tombini. Diretor desde 2010, em diversas ocasiões substituiu o presidente do BC em eventos importantes e no dia a dia da autoridade monetária.

Tombini indicou Tony Volpon, atual diretor-executivo e chefe de pesquisas para mercados emergentes das Américas da Nomura Securities International, para o cargo de diretor de Assuntos Internacionais.

Otávio Ribeiro Damaso foi indicado para o cargo de diretor de Regulação. Atualmente, Damaso ocupa a chefia de gabinete e coordena a assessoria econômica do presidente do BC.

Com a indicação de Volpon, o BC passa a ter o primeiro diretor oriundo do setor financeiro privado no governo da presidente Dilma Rousseff.   Continuação...

 
15/01/2014. REUTERS/Ueslei Marcelino