Produção de Petróleo e LGN do Brasil cresce 11% em 2014 e tem recorde, diz MME

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2015 12:59 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A produção de petróleo e Líquido de Gás Natural (LGN) do Brasil somou 2,346 milhões de barris diários em 2014, em média, aumento de 11 por cento na comparação com o ano anterior, com o crescimento da extração no pré-sal, entre outros fatores, informou nesta sexta-feira o Ministério de Minas e Energia.

A produção ficou 7 por cento acima do recorde anterior, registrado em 2011, com os pesados investimentos da Petrobras nos últimos anos resultando no crescimento do bombeamento anual.

A estatal elevou a extração de petróleo e LGN em 2014 ante 2013 em 5,3 por cento, após dois anos de queda, para 2,034 milhões de barris/dia. Mas ainda assim ficou abaixo da meta, de alta de 7,5 por cento, com margem de um ponto para cima ou para baixo.

O ano passado também foi marcado por um crescimento da produção de petroleiras estrangeiras que atuam no Brasil, como a BG, importante parceira da Petrobras no pré-sal, e a Shell.

A Ministério de Minas e Energia afirmou ainda que em dezembro o Brasil produziu, em média, 2,596 milhões de barris por dia, superando em 5,6 por cento a produção do mês anterior, de 2,457 milhões barris por dia.

A marca também superou a produção de dezembro de 2013 em 18,2 por cento, segundo o MME.

"No mês de dezembro, a produção apresentou crescimento na maioria dos principais campos brasileiros, com destaque especial para os Campos de Lula, Roncador e Barracuda, principalmente pela interligação de novos poços às plataformas instaladas recentemente e pela melhoria operacional das plataformas mais antigas", afirmou.

(Por Roberto Samora)