Fundos da Tarpon fecham aquisição de controle da Abril Educação

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015 08:50 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Thunnus Participações, sociedade detida por fundos de investimentos geridos pela Tarpon Investimentos, celebrou um aditivo ao contrato com o Bloco Abrilpar para assumir o controle da Abril Educação, conforme fato relevante divulgado nesta segunda-feira.

Sob os termos do negócio, a Thunnus irá adquirir mais 20,73 por cento do capital social total da Abril Educação, de forma que a Thunnus terá comprado, no conjunto, a totalidade dos papéis de emissão da companhia detidos pelo Bloco Abrilpar, representativos de 40,64 por cento do capital total da empresa.

A transferência do controle ocorre após a Tarpon Investimentos ter fechado acordo com o Bloco Abrilpar, formado pela família Civita e Abrilpar Participações, para comprar inicialmente 19,91 por cento do capital total da empresa, em junho do ano passado.

Com o aditivo divulgado nesta segunda-feira, o preço total do negócio passa a 1,31 bilhão de reais, ou 12,33 reais por ação ordinária da Abril Educação.

A Thunnus submeterá em até 30 dias após o fechamento da operação documentação para registro na Comissão de Valores Mobiliários (CVM) referente à oferta pública (OPA) obrigatória para aquisição de ações restantes da companhia, pelo mesmo preço por papel pago aos controladores, acrescentou a Abril Educação.

O valor representa um prêmio de 21,7 por cento sobre o valor do fechamento da ação da companhia na sexta-feira, de 10,13 reais.

A Abril Educação também informou que seu Conselho de Administração decidiu nomear Eduardo Silveira Mufarej, atual vice-presidente do Conselho da empresa e diretor-presidente da Tarpon, para o cargo de diretor-presidente, em substituição a Mario Ghio Junior, que passará a diretor-executivo.

A Abril Educação implementará uma nova estrutura administrativa, contemplando duas operações: educação básica e idiomas para adultos.

Ghio será responsável pelas operações de educação básica, incluindo as áreas editorial, de sistemas de ensino, de operações de escolas e Red Balloon. Já Marcelo Bruzzi ficará a cargo das operações de idiomas para adultos.

(Por Priscila Jordão; Edição de Marcela Ayres)