Sumitomo corta projeção de lucro por perda na Vale Nova Caledônia

segunda-feira, 9 de fevereiro de 2015 09:37 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Sumitomo Metal Mining reduziu nesta segunda-feira sua previsão de lucro líquido para o ano fiscal de 2014 em 15 por cento, devido a uma esperada perda de 220 milhões de dólares na avaliação de sua fatia na Vale Nova Caledônia (VNC), operadora do projeto de níquel de Goro.

A Sumitomo Metal, maior fundidora de níquel do Japão, disse que planeja contabilizar a perda no trimestre de janeiro a março, uma vez que a produção do projeto de Goro ficou em cerca da metade de sua capacidade anual de 57 mil toneladas em 2014, disse o vice-gerente-geral Shuichi Yasukawa.

A planta de processamento de níquel de Goro, na Nova Caledônia, de propriedade da Vale, tem sido assolada por problemas nos últimos anos, incluindo vários vazamentos químicos e protestos violentos.

A Sumitomo Metal e a trading japonesa Mitsui & Co juntas detêm um total de 14,5 por cento na VNC,

A Sumitomo Metal agora prevê um lucro anual líquido de 90 bilhões de ienes (757,26 milhões de dólares), ante estimativa anterior de 106 bilhões de ienes.

(Por Yuka Obayashi)