Ministro da Grécia diz não ser possível excluir confronto em negociações com UE

terça-feira, 10 de fevereiro de 2015 16:01 BRST
 

ATENAS (Reuters) - Atenas não está buscando confronto com seus parceiros europeus, mas não pode excluir essa possibilidade, disse o ministro das Finanças da Grécia, Yanis Varoufakis, ao parlamento na véspera de uma crucial reunião entre ministros das Finanças da zona do euro para discutir o futuro do país.

"Se você não está disposto a considerar um confronto, não está negociando", disse ele ao som de aplausos antes de um voto de confiança nesta terça-feira.

"Não estamos buscando o confronto. Faremos tudo para evitá-lo. Mas você não está negociando se descartar essa possibilidade", acrescentou.

Varoufakis disse que um acordo será firmado, mas acrescentou que o governo não aceitará qualquer parte do resgate que aumente a dívida do governo, dizendo que 30 por cento do programa foi "tóxico".

(Reportagem de Costas Pitas e Karolina Tagaris)

 
09/02/2015. REUTERS/Alkis Konstantinidis