Ministro diz que cabe ao Congresso decisão final sobre MP de benefícios trabalhistas

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015 11:43 BRST
 

BRASÍLIA (Reuters) - A decisão sobre o texto final da medida provisória (MP) que altera as regras de acesso a benefícios trabalhistas cabe ao Congresso Nacional, disse nesta quarta-feira o ministro do Trabalho, Manoel Dias.

Ao mesmo tempo, o ministro afirmou que o governo está dialogando com as centrais sindicais, que têm protestado contra as mudanças propostas no seguro-desemprego e abono salarial, entre outros.

Segundo Dias, ainda não há pontos detectados pelo governo para possíveis alterações na MP.

Ele declarou a jornalistas que está aguardando propostas das centrais sindicais no próximo dia 25 sobre eventuais mudanças no texto da MP.

(Por Jeferson Ribeiro)