EUA vão investigar importação de papel da China, Brasil e outros países

quarta-feira, 11 de fevereiro de 2015 20:43 BRST
 

WASHINGTON (Reuters) - Autoridades comerciais dos Estados Unidos vão analisar queixas sobre a importação barata de papel produzido na China e em outros países, incluindo o Brasil, que pode levar a imposição de tarifas nas compras de papel não revestido, utilizado em escritórios e residências.

O Departamento de Comércio dos EUA anunciou as investigações nesta quarta-feira, depois de queixas encaminhadas por Domtar Corporation, Packaging Corporation of America (PCA), Finch Paper e P.H. Glatfelter Company. Os países alvo da investigação são China, Indonésia, Brasil, Portugal e Austrália.

A avaliação envolve papel não revestido em folhas usado para fazer envelopes, páginas de livros e mesmo contas telefônicas.

A Comissão Internacional de Comércio vai emitir uma decisão preliminar sobre o caso em 9 de março. O departamento deve tomar uma decisão inicial sobre subsídios em abril e sobre dumping em junho.

(Por Krista Hughes)