Renault olha para novos modelos para impulsionar crescimento em 2015

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015 10:28 BRST
 

PARIS (Reuters) - A montadora francesa Renault está buscando mais melhoras no lucro e vendas com o lançamento de novos modelos, depois que o lucro para o ano inteiro ter mais que triplicado em 2014 graças a fortes vendas na Europa e a cortes de custos.

O lucro líquido saltou para 1,89 bilhão de euros (2,14 bilhões de dólares) no ano passado para 586 milhões de euros em 2013 apesar do aprofundamento da baixa no mercado russo, enquanto a receita avançou 0,3 por cento para 41,06 bilhões de euros, informou a companhia nesta quinta-feira.

As ações da Renault saltavam 8 por cento, às 8h25 (horário de Brasília), atingindo uma máxima de 10 meses. As ações tiveram valorização de 27 por cento no mês passado, dando à companhia um valor de mercado de 22,2 bilhões de euros.

Os números da Renault equivalem a um "forte conjunto de resultados consideravelmente acima das expectativas apesar de fraqueza em importantes mercados emergentes", disse o analista do Citi Philip Watkins. O número para o lucro líquido superou a projeção de 1,76 bilhão de euros de analistas.

As vendas do grupo em 2014 foram impulsionadas por novos modelos incluindo o mini utilitário esportivo Captur e o reformulado Clio mini, como também os veículos básicos da marca de baixo custo Dacia. As vendas mundiais subiram 3,2 por cento apesar do enfraquecimento da demanda em países como o Brasil e uma contração de 10 por cento no mercado da Rússia.

O lançamento de novos modelos continua em 2015 com uma atualização do Espace - reformulado como um crossover -- seguido do utilitário esportivo compacto Kadjar e um substituto do sedan Laguna.

(Por Laurence Frost)