Avon tem queda de 12% por cento em vendas trimestrais afetada por Brasil e dólar

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015 10:56 BRST
 

(Reuters) - A fabricante de cosméticos Avon teve uma queda de 12 por cento nas vendas trimestrais, atingida por demanda fraca no Brasil, seu maior mercado, e um dólar mais forte.

O prejuízo líquido atribuível à Avon cresceu para 330,7 milhões de dólares, ou 0,75 dólar por ação, no trimestre encerrado em 31 de dezembro, ante 69,1 milhões, ou 0,16 dólar por papel, um ano antes.

A receita total caiu 12,2 por cento, para 2,34 bilhões de dólares, principalmente devido a uma queda de 7 por cento no faturamento do Brasil.