Petrobras planeja emitir balanço anual auditado até fim de maio

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015 21:00 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Petrobras planeja divulgar o balanço anual auditado de 2014 até o fim de maio e avalia que terá que cortar investimentos, ampliar venda de ativos e estudar outros meios de financiamento diante da forte queda nos preços do petróleo e do endividamento da companhia.

Apesar das dificuldades, a Petrobras afirmou em comunicado divulgado na noite desta quinta-feira que não tem previsão sobre emissão de novas ações.

"A Petrobras está revisando seu planejamento financeiro e entende que deverá ser necessário reduzir seus investimentos, elevar os desinvestimentos, assim como estudar outras possibilidades de financiamento e de incremento do fluxo de caixa", afirmou a empresa.

O comunicado foi emitido apenas várias horas depois que o jornal Valor Econômico publicou entrevista com o novo presidente da Petrobras, Aldemir Bendini, em que ele afirma que vai rever o plano de negócios da empresa, em uma revisão que inclui venda de ativos e corte de investimentos.

O pronunciamento da Petrobras ao mercado também foi emitido somente após as ações da companhia terem fechado em alta de cerca de 5 por cento nesta quinta-feira.

Ainda segundo a Petrobras, a metodologia que chegou ao valor de 88,6 bilhões de reais em baixas contábeis decorrentes das denúncias de corrupção da investigação Lava Jato "não se mostrou adequada à mensuração dos potenciais pagamentos indevidos". O valor foi divulgado pela Petrobras no fim de janeiro, por ocasião da publicação do balanço do terceirto trimestre.

Segundo a estatal, a companhia está "aprofundando" outra metodologia que tome por base valores, prazos e informações contidos nos depoimentos dos acusados no escândalo para emissão de demonstrações contábeis revisadas.

(Por Alberto Alerigi Jr.)