Grupo Pão de Açúcar tem lucro menor no 4o tri

quinta-feira, 12 de fevereiro de 2015 21:26 BRST
 

Por Juliana Schincariol

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O Grupo Pão de Açúcar, maior varejista do país, teve recuo no lucro e leve alta em suas margens operacionais no quarto trimestre, apesar do morno desempenho de vendas nos últimos três meses do ano ter dificultado a diluição das despesas.

Entre outubro e dezembro, o lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) do GPA somou 1,622 bilhão de reais, alta de 24,1 por cento ante igual trimestre de 2013. A média das expectativas de analistas era de 1,9 bilhão de reais em pesquisa da Reuters.

A margem Ebitda, por sua vez, alcançou 8,2 por cento, ante 7,7 por cento em igual trimestres de 2013.

A melhoria operacional se deu apesar do modesto desempenho de vendas do GPA, especialmente em sua divisão de alimentos.

Controlador da empresa de móveis e eletrodomésticos Via Varejo e da empresa de comércio eletrônico Cnova, o grupo divulgou em meados de janeiro avanço anual de 16,2 por cento na receita líquida do quarto trimestre, beneficiado pela incorporação da Cdiscount em seus números.

Em mesmas lojas, a alta foi de 4,3 por cento no resultado consolidado, e de apenas 1 por cento na divisão alimentar, que considera os resultados de Assaí, Extra e Pão de Açúcar. [nL1N0US2AX]

O GPA assinalou o avanço do Ebitda superior ao crescimento das vendas e comentou que a alta de 0,4 ponto percentual na margem Ebtida ajustada, que encerrou o período em 9,9 por cento, demonstra sua habilidade "em apresentar maior rentabilidade a despeito de um cenário de vendas desafiador".

No trimestre, o lucro do GPA teve um recuo anual de 2,1 por cento, a 673 milhões de reais.   Continuação...