Raízen começa entressafra com quase metade da produção anual de etanol em estoque

sexta-feira, 13 de fevereiro de 2015 18:42 BRST
 

SÃO PAULO (Reuters) - A divisão de sucroalcooleira da Raízen, joint venture da Cosan e da Shell, entrou no período de entressafra com praticamente metade de sua produção de etanol estocada, devido a uma estratégia de vendas, disse a companhia nesta sexta-feira.

A Raízen Energia, cuja principal atividade é a produção e a comercialização de produtos derivados da cana-de-açúcar, incluindo açúcar e etanol, tinha estoques de 975 milhões de litros de etanol em 31 de dezembro de 2014, cerca de 45 por cento dos mais de 2 bilhões de litros produzidos anualmente, disse a empresa.

"A estratégia da Raízen Energia neste ano foi de manter maior volume de etanol em estoque para a comercialização do produto a preços mais atrativos entre janeiro e março de 2015, predominantemente por meio de contratos previamente firmados com diversas distribuidoras de combustíveis", disse a empresa.

A safra da região centro-sul do Brasil, onde Raízen tem suas operações concentradas, começa oficialmente em 1º de abril de cada ano e em dezembro já está praticamente encerrada.

Os estoques com que a empresa ingressou na entressafra representam um aumento de 33 por cento ante o verificado em 31 de dezembro de 2013.

O grupo Raízen, que inclui uma divisão de comercialização e distribuição de combustíveis, movimenta cerca de 7 bilhões de litros de etanol por ano.

As informações foram prestadas por executivos, em uma teleconferência, e pela assessoria de imprensa da companhia nesta sexta-feira. Na quarta-feira, a Raízen informou ao mercado que teve lucro líquido de 314,4 milhões de reais no terceiro trimestre da safra 2014/15, aumento de 35,1 por cento na comparação com o mesmo período do ano anterior.

(Por Gustavo Bonato)