Souza Cruz diz que controladora avalia oferta pública de aquisição para tirar empresa da bolsa

segunda-feira, 23 de fevereiro de 2015 09:17 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A produtora de cigarros Souza Cruz disse que sua acionista controladora British American Tobacco está avaliando realizar uma oferta pública para adquisição de até a totalidade das ações em circulação da companhia, visando tirar a empresa da bolsa, e que pretende completar em até 30 dias todas as análises relacionadas à procedência ou não da oferta.

As ações em circulação da companhia representam 24,7 por cento das ações emitidas, informou a Souza Cruz em fato relevante nesta segunda-feira, acrescentando que o preço por papel de uma eventual operação será de 26,75 reais.

"A concretização da oferta ainda está sujeita, dentre outros, à obtenção de aprovações societárias e à finalização de um laudo por avaliador independente, razão pela qual não há certeza de que qualquer oferta será feita, nem tampouco os respectivos termos dessa oferta ou, ainda, que ocorrerá o cancelamento do registro da companhia como companhia aberta", disse a Souza Cruz.

(Por Priscila Jordão; Edição de Camila Moreira)