Yellen será interrogada no Senado sobre juros e transparência do Fed

terça-feira, 24 de fevereiro de 2015 08:45 BRT
 

Por Michael Flaherty e Howard Schneider

WASHINGTON (Reuters) - A chair do Federal Reserve, Janet Yellen, deve se deparar nesta semana com perguntas incisivas de parlamentares norte-americanos que buscam encontrar detalhes sobre quando o banco central dos Estados Unidos pretende elevar a taxa de juro, além de mais escrutínio sobre a transparência no Fed.

Yellen provavelmente revelará pouco em seu depoimento preparado para o Comitê Bancário do Senado norte-americano nesta terça-feira, e ao Comitê de Serviços Financeiros do Congresso na quarta-feira.

No entanto, as respostas às perguntas dos parlamentares serão escrutinadas em busca detalhes sobre o que ela pensa acerca de questões como inflação persistentemente fraca e crescimento estagnado dos salários. Os parlamentares também devem explorar se ela ainda acredita que o recuo da taxa de desemprego no país esconde problemas no mercado de trabalho.

O depoimento de Yellen ao Senado será um importante teste de sua capacidade de navegar no novo Congresso controlado pelos republicanos enquanto conduz o Fed a uma mudança história na política monetária esperada para algum momento ainda neste ano.

O Fed não eleva a taxa de juro desde 2006 e durante os últimos sete anos tem ampliado os limites de ativismo do banco central, comprando mais de 3 trilhões de dólares em ativos e mantendo a taxa de juro perto de zero.

(Por Michael Flaherty)

 
Chair do Federal Reserve, Janet Yellen, durante conferência em Washington. 17/12/2014 REUTERS/Kevin Lamarque