Grécia fará empréstimos nos mercados quando reestruturar dívida, diz ministro

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015 07:45 BRT
 

ATENAS (Reuters) - A Grécia poderá realizar empréstimos junto aos mercados financeiros quando conseguir realizar a reestruturação de sua dívida, investimentos e alcançar superávits primários orçamentários sustentáveis, afirmou nesta quarta-feira o ministro das Finanças grego, Yanis Varoufakis.

"Para que alguém possa retornar aos mercados para pedir empréstimos é preciso atender a três critérios: surperávits primários, reestruturação da dívida e investimentos", disse o ministro à rádio Real FM.

"Estou falando de trocas de dívida que vão reduzir a dívida de forma significativa", disse ele, quando questionado como Atenas vai alcançar a reestruturação da dívida.

Atenas dará início às discussões com a UE e o FMI para preencher o déficit de financiamento do Estado depois de ter acertado um plano de quatro meses para prorrogar o programa de resgate do país.

O país foi afastado dos mercados de capital internacionais desde que o resgate em 2010, desconsiderando duas emissões de bônus feitas no ano passado sob um governo anterior liderados por conservadores.

(Reportagem de Costas Pitas e Lefteris Papadiams)