Ibovespa fecha em queda em dia de Petrobras em destaque por Moody's

quarta-feira, 25 de fevereiro de 2015 17:13 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - A Bovespa devolveu quase toda a queda no final do pregão desta quarta-feira, em sessão marcada pela reação negativa ao rebaixamento da classificação de risco da Petrobras para "junk" pela Moody's, que fez as ações da estatal caírem quase 9 por cento no pior momento da sessão.

De acordo com dados preliminares, o Ibovespa fechou em queda de apenas 0,13 por cento, a 51.807 pontos, após recuar 1,59 por cento mais cedo e quase perder o patamar de 51 mil pontos na mínima (51.050 pontos). O volume da sessão somou 8 bilhões de reais, acima da média do mês pela primeira vez na semana.

O principal índice da bolsa paulista abandonou as mínimas puxado principalmente por ganhos do setor de educação, com Estácio Participações à frente, em meio à cobertura de posições por agentes que tinham alugado os papéis para vendê-los (short squeeze), diante da melhora do noticiário do setor.

A redução da queda nos papéis da Petrobras também ajudou. As preferenciais caíram 4,9 por cento e as ordinárias recuaram 4,5 por cento no final do pregão.

(Por Paula Arend Laier)