IGP-M desacelera alta a 0,27% em fevereiro, diz FGV

quinta-feira, 26 de fevereiro de 2015 08:38 BRT
 

SÃO PAULO (Reuters) - O Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M) avançou 0,27 por cento em fevereiro, após subir 0,76 por cento em janeiro, com leve queda dos preços no atacado e desaceleração da alta no varejo.

O resultado ficou um pouco abaixo da expectativa em pesquisa da Reuters, cuja mediana apontava alta mensal de 0,29 por cento.

A Fundação Getulio Vargas (FGV) informou nesta quinta-feira que o Índice de Preços ao Produtor Amplo (IPA), que mede a variação dos preços no atacado e responde por 60 por cento do índice geral, teve variação negativa de 0,09 por cento em fevereiro, após avanço de 0,56 por cento no mês anterior.

No IPA, os preços agropecuários registraram queda de 0,06 por cento, após alta de 1,35 por cento em janeiro. Entre as maiores influências negativas, a soja em grão acelerou a queda a 6,39 por cento em fevereiro, após recuo de 0,74 por cento no mês anterior.

Já o Índice de Preços ao Consumidor, com peso de 30 por cento no IGP-M, avançou 1,14 por cento neste mês, contra 1,35 por cento em janeiro.

Neste caso, a FGV informou que a principal contribuição para o resultado partiu do grupo Alimentação, cuja alta desacelerou a 0,92 por cento frente 1,66 por cento.

O destaque ficou para o item hortaliças e legumes, com avanço de 4,58 por cento ante 13,68 por cento.

A FGV informou ainda que o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC) subiu 0,50 por cento em fevereiro, após avanço de 0,70 por cento em janeiro.

O IGP-M é utilizado como referência para a correção de valores de contratos, como os de energia elétrica e aluguel de imóveis.

(Por Camila Moreira)